segunda-feira, novembro 03, 2008

A claque do velhinho


[2753]

"O tom obamizado absolutamente histérico-militante da TSF, SIC e RTP ( de outros não sei e não falo) não é relevante pelo enterro da "objectividade", essa puta velha do jornalismo.O que se nota é que eles já nem disfarçam as preferências - é à canzana - ainda que não tenham coragem de as assumir. Com um calendário eleitoral doméstico à porta vai ser interessante assistir ao arraial"

"Alguma coisa não deve estar bem quando Fidel Castro e George Soros, o presidente do parlamento iraniano e o Financial Times apoiam o mesmo candidato à presidência dos EUA. Ou, mais perto de casa, José Sócrates e Fernando Ulrich ou Rui Tavares e Luís Nobre Guedes. Não deve estar bem mesmo. Para além de que alguma destas pessoas vai ficar desiludida com uma eventual presidência Obama.
Eu, por mim, fico-me pelo velhinho. Parece que vai perder. Paciência…"

Luciano Amaral no Gato do Cheshire


Pois! Parece que se vai compondo por aí uma claque simpática pelo velhinho. Sou naturalmente avesso a consensos demasiadamente alargados para o meu gosto. Sobretudo quando eles relevam de uma ausência de pensamento substantivo para darem lugar ao estremeção momentâneo do politicamente correcto.

Fico-me também pelo velhinho. Parece que vai perder. Paciência!


.

Etiquetas: ,

2 Comments:

At 9:19 da tarde, Blogger ana v. disse...

Eu estava pelo outro (sem histerismos mas com fé de que fosse possível), mas o velhinho foi digníssimo na derrota. E safou-se de ter que desiludir a euforia colectiva, coisa que o mais novo vai ter pela frente. Pela simples razão de que não é Deus...

 
At 10:08 da manhã, Blogger espumante disse...

ana v.

Foi muito digno, sim.
Estou cuom uma imensa curiosidade em ver como Obama atacará os muitos problemas que tem pela frente.

 

Enviar um comentário

<< Home