sábado, janeiro 13, 2007

Terá a ver com Sereias?


[1474]

Li. Com atenção. Concentrei-me. Cerrei mesmo os olhos e fiz desfilar no meu subconsciente algumas mulheres com quem me cruzei na vida e que pudessem sugerir a tal
queca homérica. Os meus circuitos de memória construíram e desconstruíram cenários relacionados com o tema, mas de Homero, nada. Será porventura uma lastimosa lacuna, mas a verdade é que não me foi possível estabelecer qualquer correlação. Voltei a ler o post, desta vez concentrei-me na foto, pensei mesmo que o segredo poderia estar a partir da parte da imagem que a Tati sonega aos leitores, mas nada. Terei de me quedar na vil tristeza da ignorância. Talvez um dia alguém me diga ou mesmo, sem que eu o espere, descubra o que é que uma queca homérica significa. Até lá… mantêm-se as rotinas.

4 Comments:

At 9:17 da tarde, Blogger Hipatia disse...

Podes sempre mudar de latitude e tentar recordar qualquer coisa digna das sagas ;-)

 
At 11:27 da tarde, Blogger ELA disse...

Também pode enquadrar a questão em ambiente poético e literário. Porque não?

 
At 6:43 da tarde, Blogger Nelson Reprezas disse...

hipatia
Tens razão. No próximo fim de semana vou... sei lá... à Trafaria :))

 
At 6:46 da tarde, Blogger Nelson Reprezas disse...

ela
Claro que posso fazer esse enquadramento, mas arrisco-me a uma queca camoniana, camiliana, sei lá...
:)

 

Publicar um comentário

<< Home