domingo, maio 09, 2010

Uma questão de fé


[3752]

Estou de férias e tenho ligado pouco ao estado da nação, hoje por hoje talvez o que nos devesse preocupar mais (a seguir à incógnita da próxima época do Sporting, bem entendido…), sobretudo quando vou reparando que mantemos um primeiro-ministro desenfreado, a roçar mesmo a fronteira da inimputabilidade, mas não há como fugir aos factos políticos mais marcantes e que nos vão mantendo vivo o ferrete de um grupo de gente ingovernável e irresponsável. Foi assim que reparei em mais uma diatribe de um tal Ricardo Rodrigues, uma criatura que ninguém percebe como se mantém a pintar a manta quase todos os dias e, mesmo assim, a manter a cobertura dos seus pares, como há bem pouco se viu com Maria Belém Roseira e Francisco Assis.

Pelos blogues, também as travessuras de Ricardo merecem referências mais ou menos enfáticas, ou nem por isso. Mais veementes as que defendem o “irreflectido” e hormonal deputado, como Eduardo Pitta faz aqui no seu blogue. Repare-se na candura desta frase: Apropriou-se dos gravadores dos repórteres da revista Sábado. E daí?

No fundo, esta autêntica profissão de fé socrática é mais ou menos como o sinal da cruz dos católicos. Testa para o Pai, peito para o Filho concebido sem pecado e o Espírito Santo distribuído pelos dois ombros, um gesto que foi consagrado como a assumpção total, final e sem rebuço da existência da Santíssima Trindade. Nem mais nem menos que este tipo de blogues onde a assumpção dos desmandos do Ricardo Rodrigues se torna uma questão de fé. Como o sinal de cruz.

Não tenho nada contra a fé em geral e o sinal da cruz em particular. E que quem já é pecador sofra tormentos, enfim! Mas os blogues, Senhor, porque lhes dais tanta dor, porque padecem assim?

.

Etiquetas: , ,

2 Comments:

At 1:37 da manhã, Blogger papoila disse...

As férias já acabaram???
Tens lá um Prémio, calculo que não tenhas paciência para seguir todos os requisitos...mas não faz mal!
O prémio é para te agradecer, não só a companhia que me fazes todos os dias como as excelentes GARGALHADAS que aqui venho procurar e tenho encontrado!

Quanto ao "gravador no bolso"...não há como a análise do Governo Sombra....:):):)

 
At 10:06 da tarde, Blogger Espumante disse...

papoila

Desculpa não ter agradecido o prémio, mas estive fora de férias.
Desculpa tá? De qualquer forma, muito obrigado pela tua gentileza

 

Enviar um comentário

<< Home